A FOME NO MUNDO – Quem vive na “Roça” geralmente é quem passa mais fome

gado morto sertao A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fome Um fato muito ABSURDO que acontece em todo o mundo é que Boa parte das pessoas que PASSAM FOME em todo o Planeta Terra, vivem na Zona Rural (geralmente na Roça).
Se você parou e se perguntou: -” Mas espera aí, quem que vive em áreas que servem para plantar e produzir comida, é quem geralmente passa fome?”

Eu lhe Digo: Pois é, José! Isso mesmo, de acordo com um recente estudo da WFP(World Food Program – tradução: Programa Mundial para Alimentos), que faz parte da ONU aponta que 75% de quem passa forme ao redor do Mundo vive em áreas Rurais. Geralmente tem uma pequena terrinha (rocinha), mas o que planta é insuficiente para a sobrevivência.

 

 A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fome

 

Vejamos no Vale do Jequitinhonha, Vale do Mucuri e Norte de Minas, onde a maior parte das pessoas que vive em situações de maior vulnerabilidade ou são da Zona Rural ou vieram da zona rural nos últimos 15 anos. Em nossa Região, milhares de pessoas que viviam na Zona Rural hoje vivem na Zona Urbana (saíram dos distritos ou da roça para a cidade), aumentando a população nos centros urbanos, como podemos observar na cidade de Araçuaí, que o município cresceu pouco, mas a cidade cresceu muito nos últimos 20 anos, vide quem vivia na Zona Rural ter ido para a cidade.

As pessoas que vivem nas áreas rurais passam fome, porque são insuficientes os tipos de investimentos feitos pelo governo (e às vezes inexistentes) para qualificar estes pequenos produtores rurais a produzirem de acordo com as condições meteorológicas existentes em suas regiões.
Apenas com tecnologia didática e desenvolvida para ajudar diretamente o pequeno produtor rural é que será possível termos um mundo sem fome. Qualquer pessoa que vive no Campo, não pode passar fome, porque deve aprender como plantar. Porém, muitas vezes é muito complexo realizar o plantio vide as condições do clima, tipo do solo, escoação da produção, etc.

Para quase todos os problemas a tecnologia pode ser empregada e já é em vários países empregada, em menor escala do que o necessário, com menos inovação do que o necessário, com quase nenhuma verba, muito baixas ou mal gastas, um problema complexo. Que só o Conhecimento e o auxílio tecnológico podem resolver… mas para haver tecnologia primeiro precisa ter desenvolvimento tecnológico que custa bem caro e muitas vezes não viável criar uma tecnologia “Social” sem ter auxílio de verbas públicas ou de grande organizações sem fins lucrativos.

 

who hungry banner 0 A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fome

Informações de quantas pessoas passam fome no mundo por país. Ásia 553 milhões, África 227 milhões, América Latina 47 Milhões, Países Desenvolvidos (“Primeiro Mundo”) 16 milhões

 

Vejamos alguns dados da WFP-ONU:

Três quartos (75%) de todas as pessoas que passam fome vivem em áreas rurais , principalmente nas aldeias da Ásia e da África. A esmagadora maioria depende da agricultura para a sua alimentação , essas populações não têm nenhuma fonte alternativa de renda ou emprego. Como resultado, eles são vulneráveis ​​a crises . Muitos migram para as cidades em busca de emprego, engrossando as populações em constante expansão das favelas em países em desenvolvimento .

Fazendeiros/agricultores Famintos:

A FAO (Food and Agriculture Organization – Organização para a Alimentação e Agricultura) calcula que cerca de metade das pessoas que passam fome no mundo são de comunidades agrícolas de pequenos agricultores , sobrevivendo em terras marginais propensas a desastres naturais como secas ou inundações . Outros 20 por cento pertencem a famílias de sem-terra dependentes da agricultura e cerca de 10 por cento vivem em comunidades cujo sustento depende de pastoreio , pesca ou recursos florestais.

Os 20 por cento restantes vivem em favelas na periferia das maiores cidades de países em desenvolvimento . O número de habitantes das cidades pobres e famintas estão subindo rapidamente , juntamente com a população urbana total do mundo .

Crianças:

Estima-se que 146 milhões de crianças em países em desenvolvimento estão abaixo do peso – o resultado da fome aguda ou crônica (Fonte: O Estado das Crianças do Mundo , UNICEF, 2009) . Com demasiada frequência, a fome infantil é herdada : mais de 17 milhões de crianças nascem com baixo peso ao ano, o resultado da alimentação inadequada antes e durante a gravidez.

MULHERES:

As mulheres são produtores mundiais de alimentos primários , ainda tradições culturais e estruturas sociais , muitas vezes significa que as mulheres são muito mais afetados pela fome e pela pobreza do que os homens. Uma mãe que é atrofiado ou abaixo do peso devido a uma dieta inadequada , muitas vezes dão à luz crianças de baixo peso ao nascer .

Cerca de 50 por cento das mulheres grávidas em países em desenvolvimento apresentam deficiência de ferro (Fonte: Unicef) . A falta de ferro significa 315 mil mulheres morrem anualmente de hemorragia durante o parto . Como resultado , as mulheres , em especial as gestantes e lactantes , muitas vezes precisam de ingestão especial ou aumentado de alimentos.

 

 

Com Informações: ONU – ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS – WPF – World Program Food.

Tradução de texto do Inglês: Ernani J. De M.M.

facebook A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fometwitter A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fomegoogle plus A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fomereddit A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fomepinterest A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fomelinkedin A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fomemail A FOME NO MUNDO   Quem vive na Roça geralmente é quem passa mais fome

Deixe seu Comentário